Quem sou eu ?

Por que começar a escrever sobre os 50 anos?

Porque a vida continua...

Porque senti a necessidade de falar sobre essa nova fase. Uma fase diferente. Uma fase onde os nossos hormônios estão em frangalhos, mas que estamos aí, firmes e diferente das nossas avós, que aos 50 anos tinham uma outra mentalidade ...hoje somos modernas, avançadas, estamos com tudo, colocamos nossos jeans e all star e saimos por aí. É isso e muito mais que quero falar, escrever, dividir.

Sem pudores!

Nós, mulheres de 50 anos, com os nossos pontos fortes e fracos, nossos desejos e as nossas dúvidas, com os nossos próprios valores, nós sabemos o que nos motiva, o que nos faz seguir em frente na vida e levantar todas as manhãs . Muitas histórias para contar, dicas para compartilhar, histórias de vida, de nossas vidas, nossas experiências, nossos humores, os nossos truques, nossas mudanças físicas, nossos planos, nossos filhos e maridos ou a falta deles, nossos desejos de mulheres com 50 anos (um pouco menos, um pouco mais) , nossos medos e também moda, beleza, política, sexo.

Me chamo Márcia Brayner, sou tipicamente geminiana, historiadora e dei aula anos a fio. Larguei a vida em SP e mudei com minha família para Maceió. Isso já faz 9 anos e muitas histórias tenho para contar...









Desenvolvido por DIG LINK marketing digital